Carteiro é baleado, não resiste e morre no hospital

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Legenda /Crédito da Foto: Reprodução

O funcionário dos Correios em Sinop Estêvão Ariel Keller, 33 anos, que chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros durante a madrugada deste sábado (04) e encaminhado para o Hospital Regional, não resistiu aos ferimentos e morreu.

Segundo a Polícia Militar, o fato ocorreu em uma residência na Rua dos Mognos, no bairro Vitória Régia, uma mulher que estava na casa também foi socorrida e levada para cuidados médicos sem gravidade.

Para os policiais a mulher relatou que estavam na casa quando dois homens entraram na casa gritando “perdeu, perdeu” e já efetuaram os disparos contra Estêvão.

Dois tiros acertaram a cabeça do rapaz que estava no quarto quando foi surpreendido pelos atiradores que fugiram em seguida.

Os bombeiros foram acionados, fizeram a remoção do homem ainda com vida para o hospital onde passou por cirurgia e não resistiu.

A mulher, que havia conhecido naquela noite, não soube relatar para os policiais as características dos atiradores. Os policiais fizeram rondas, mas não localizaram os atiradores.

O caso foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil e posteriormente ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) para descobrir as motivações do homicídio.

Estêvão trabalhava como carteiro nos Correios em Sinop aproximadamente 10 anos.

Fonte: Visão Notícias