Veja quem são 18 suspeitos mortos após ataque a Confresa

Crédito: Reprodução

Ataque a Confresa, completou 36 dias e 18 suspeitos já foram mortos em confronto com o Bope de Mato Grosso e Tocantins, além de dois presos. De acordo com a Polícia Militar daquele Estado,3 homens ainda estão foragidos.

Criminosos atacaram a Brink’s no dia 9 de abril, no município mato-grossense, com o objetivo de roubar R$ 40 milhões em dinheiro do cofre da empresa de valores. No entanto, o assalto não deu certo e os suspeitos fugiram sem nenhum valor. Eles utilizaram explosivos para acessar o local, mas sem sucesso.

Assaltantes fugiram de Mato Grosso para o Tocantins pelos rios Araguaia e Javaés usando embarcações previamente preparadas. A força-tarefa é composta por mais de 300 policiais de 5 estados: Goiás, Pará, Mato Grosso, Distrito Federal e Minas Gerais. Os suspeitos estão cercados e caso tentem sair da mata, são vistos pelos agentes.

Conforme a polícia de Tocantins, os suspeitos estão se alimentando de espigas de milho e ureia – usado na alimentação de gado -, além de ficarem escondidos na copa das árvores. Eles estão utilizando sacos amarrados nos pés para despistar os policiais e não deixar rastros.

Último confronto aconteceu no sábado (13), em uma área de zona rural de Pium, entre a fazenda Terra Boa e o assentamento Barranco do Mundo, em Tocantins, por volta das 13h.

Veja os nomes e idade dos criminosos:

1. Danilo Ricardo Ferreira, 46
2. Raul Yuri de Jesus Rodrigues, 28
3. Eduardo Batista Campos, 32
4. Julimar Viana de Deus, 35
5. Celio Carlos Monteiro, 62
6. Jose Claudio dos Santos Braz, 37
7. Matheus Fernandes Alves, 27
8. Jonathan Camilo Melo de Sousa, 34
9. Airton Magalhães Marques, 25
10. Gustavo Luiz Ferreira da Rocha, 44
11. Rafael Ferreira Lima, 34
12. Gilvan Moraes da Silva
13. Paulo Sérgio Alberto Lima
14. Isaías Pereira da Silva
15. Robson Moura dos Santos, 33
16. Ronildo Alves dos Santos, 41
17. Ricardo Aparecido da Silva, de 39

Fonte: Gazeta Digital

Galeria de Imagens da notícia

Mais notícias

Mulher cai em golpe e perde R$ 12,6 mil em transferências PIX, criminoso se passou por funcionário do banco

Chamado na porta homem leva tiro no rosto e morre

Polícia Civil intensifica ações de combate aos crimes contra a flora no norte de MT

Polícia Militar frustra mais uma invasão a propriedade rural

Polícia prende seis por crimes ambientais com pescado e carne de animais silvestres

Homem é encontrado morto em Sinop com bilhete de aviso “É proibido roubar na quebrada”