Transferência de propriedade de veículos pode ser realizada pelo aplicativo MT Cidadão

Crédito: Divulgação

Dois novos serviços de atendimento online estão disponíveis aos condutores e proprietários de veículos em Mato Grosso: a transferência de veículos e a indicação de quem era o real condutor em infrações de trânsito. As inovações foram apresentadas pelo Governo de Mato Grosso na manhã desta sexta-feira (15.03), no Palácio Paiaguás, e tem por objetivo facilitar e trazer comodidade aos cidadãos.

Um dos serviços apresentados, a transferência de veículos, está disponível há um mês pelo aplicativo MT Cidadão e possibilita ao vendedor e ao comprador a validação do processo de compra  em um só lugar, reduzindo o tempo de realização da transferência.

“O Governo de Mato Grosso tem feito um esforço grande para transformar muitos serviços que eram feitos de forma física para a forma eletrônica. Estas tecnologias são fundamentais porque elas criam facilidades para o cidadão e torna o governo mais eficiente, pois conseguimos prestar esse serviço de forma online nas diversas regiões do Estado sem que o cidadão precise, muitas vezes, sair da sua própria casa”, destacou o governador de Mato Grosso, Mauro Mendes.

O secretário de Estado de Planejamento e Gestão, Basílio Bezerra, ressaltou que os serviços apresentados nesta sexta-feira vão, além de tirar a burocracia durante todo o processo, diminuir custos diretos para o cidadão. Na transferência de veículos, por exemplo, a economia será de cerca de R$ 150 reais. Ele pontuou que atualmente o Governo de Mato Grosso tem aproximadamente 160 serviços totalmente digitais, com meta de aumentar este escopo.

Segundo o secretário, a segurança e a validade jurídica são feitas pelo Certificado MT.id, do Governo de Mato Grosso. Somente a vistoria continua sendo feita de forma presencial.  “Queremos facilitar a vida do cidadão, dando mais tranquilidade e segurança ao acessar os serviços do Estado. No caso da transferência de veículos, o processo fica muito mais dinâmico porque o contribuinte vai poder fazer uma transferência da casa dele e um comprador da casa dele, mesmo se um dos interessados estiver em outro Estado ou em outro país. Tudo isso sem a necessidade de se deslocar a um cartório, pegar o trânsito, combustível, entre outros trâmites”, frisou Basílio.

Conforme o presidente do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT), Gustavo Vasconcelos, todos os serviços digitais lançados pelo Governo são feitos para que o cidadão tenha toda segurança ao usá-los.

“Nós temos trabalhado para expandir os serviços digitais para a população, tal qual praticamente o cidadão não precise sair de casa, como o governador Mauro Mendes sempre nos pediu. Hoje o Detran tem foco na digitalização e investimento em tecnologia para que o cidadão tenha mais comodidade e agilidade”, disse Vasconcelos.

O diretor-presidente da Empresa Mato-grossense de Tecnologia da Informação (MTI), Cleberson Antônio Sávio Gomes, contou que o Governo tem buscado o que há de melhor de tecnologia no mundo para facilitar a vida da população do Estado. “Estamos antenados em tudo o que tem de melhor no mercado para aprimorar os serviços e ter mais eficiência no atendimento ao mato-grossense”, falou Cleberson.

Outro serviço online apresentado é o Real Condutor, que entrará em funcionamento nos próximos dias. Por meio dele, o proprietário do veículo poderá informar quem estava dirigindo ou conduzindo o veículo/motocicleta em casos de acidentes de trânsito e solicitar a transferência de pontuação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Até então, o proprietário precisava se deslocar até um dos postos de atendimento do Detran-MT ou enviar um formulário pelos Correios para a autarquia.

Esse serviço estará disponível apenas entre pessoas físicas e em casos em que a infração não teve abordagem de um agente de fiscalização do trânsito. O proprietário do veículo e o condutor/motorista precisam ter a CNH Digital. A oferta deste novo atendimento online foi possibilitada pela adesão do Detran-MT aos serviços disponíveis no aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT).

Também estiveram presentes no evento o vice-governador Otaviano Pivetta, o senador Wellington Fagundes, o secretário-chefe da Casa Civil, Fábio Garcia, a secretária de Estado de Comunicação, Laice Souza, o secretário adjunto de Planejamento e Gestão de Políticas Públicas (Seplag), Sandro Luís Brandão Campos, e o diretor de Habilitação e Veículos do Detran-MT,  Alessandro Alencar de Andrade.

Fonte: Detran-MT

Mais notícias

Itanhangá: Projetos e indicações foram votadas na ultima sessão da Câmara De Vereadores

Homem morre em colisão entre motos e dois estão hospitalizados

Governo de MT entrega 281 km de asfalto novo da MT-140

Sistema para ressarcir golpes do pix vai mudar; Veja dicas

Tabaporã: Cabo PM de folga evita linchamento com possível assassinato brutal

Brasnorte: Homem que assassinou jovem por causa de vídeo no TikTok é condenado a mais de 13 anos de prisão