Mais de 80 mil jovens entre 14 e 24 anos não trabalham nem estudam em MT

Crédito: Reprodução

Mais de 80 mil jovens mato-grossenses com idades entre 14 e 24 anos não estavam estudando nem trabalhando em 2022. O número equivale a cerca de 15% da população dessa faixa etária em Mato Grosso. Os dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Apesar do número ainda ser considerado alto, com 83 mil jovens desocupados, Mato Grosso ainda é o sexto estado com menos jovens ociosos no país, ficando atrás de Roraima, Acre, Amapá, Tocantins e Mato Grosso do Sul.

Dos mais de 83 mil jovens que não trabalham nem estudam, cerca de 20 mil residem em Cuiabá. Entre as capitais do país, a cidade também está entre aquelas com menos jovens desocupados. No ranking, a capital mato-grossense ocupa o sexto lugar, atrás de Porto Velho (RO), Palmas (TO), Boa Vista (RR), Florianópolis (SC) e Vitória (ES).

Os números são do primeiro trimestre do ano de 2022. No entanto, conforme os dados apresentados pelo IBGE, o número de jovens desocupados diminuiu ao longo do ano em MT, que caiu parara 55 mil no segundo trimestre.

Já na Capital houve uma queda de 8 mil no segundo trimestre, totalizando 12 mil jovens entre 14 e 24 anos que não trabalham nem estudam, mas fechou o terceiro trimestre com 14 mil.

De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua), do IBGE, a maioria das pessoas com 14 anos ou mais, que está desocupada, tem apenas o ensino médio completo. Em segundo lugar, estão aqueles que têm ensino médio incompleto, seguidos de superior incompleto e completo, respectivamente.

 

Fonte: Repórter MT

Mais notícias

Itanhangá: LCI TELECOM reinaugura em prédio próprio nesta sexta-feira

Caminhoneiro morre eletrocutado ao tentar salvar boi em carreta

Itanhangá: Projetos e indicações foram votadas na ultima sessão da Câmara De Vereadores

Homem morre em colisão entre motos e dois estão hospitalizados

Governo de MT entrega 281 km de asfalto novo da MT-140

Sistema para ressarcir golpes do pix vai mudar; Veja dicas