Homem é morto a facadas enquanto trabalhava em madeireira

Crédito:

Luiz Rivelino Pereira, de 41 anos, foi assassinado no começo da manhã de ontem (14), dentro de uma madeireira, em Juína.

De acordo com a Polícia Civil, o homem estava trabalhando, quando foi atacado por outro homem identificado como F.M.S., que também era funcionário da empresa.

Segundo informações, ambos haviam sido contratados recentemente: Rivelino, já há 45 dias; e F.S., há 15 dias.

Testemunhas contaram que a vítima estava usando o banheiro e, quando saiu, foi surpreendida pelo outro funcionário, que desferiu vários de golpes de faca no pescoço, tórax e braços.

A violência foi tão grande que o cabo da faca se desprendeu. F.M.S. deixou a lâmina cravada na vítima. Em seguida, ele fugiu em uma motocicleta.

Rivelino morreu antes de ser socorrido e teve o óbito confirmado pelos médicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ele estava com oito perfurações pelo corpo.

A Polícia Militar foi acionada e fez rondas na região, mas não conseguiu localizar o criminoso.

O crime este sendo investigado pela Polícia Civil.

Fonte: Mídia News

Mais notícias

Caminhão carregado de porcos tomba e populares saqueiam animais

Carreta que transportava madeira bate em paredão e mata 3 pessoas

Itanhangá: II Fórum comunitário do Selo UNICEF será nesta sexta-feira, 14\06

Itanhangá: Tapa-buracos na MT 338 está sendo feito com cascalho. Fotos e vídeo

Itanhangá: Fundação Sicredi apresenta o Programa União Faz a Vida nas Escolas

Identificadas vítimas fatais de acidente ocorrido ontem na BR-163