Caminhão com agrotóxicos contrabandeados é apreendido

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Pelo menos duas toneladas de agrotóxico contrabandeado foram apreendidas nesta sexta-feira (05/11) por policiais rodoviários federais na BR-163, município de Caarapó. O pesticida fabricado na China e importado legalmente por empresa do Paraguai, mas de uso proibido no Brasil, seria levado para Mato Groso, maior produtor de grãos do País.

Os produtos ilegais estavam sob carga legal de adubo que saiu de Mundo Novo (MS) e seguia para Sorriso (MT) em uma carreta com placa de Palotina (PR), conduzida por E.C.S, 37. Morando atualmente no Paraná, ele tem RG de Mato Grosso do Sul e CNH de Tocantins.

Ele foi preso e encaminhado para a Polícia Federal em Dourados. As embalagens escritas em espanhol trazem informações de que o agrotóxico foi fabricado em solo chinês e importado por uma empresaa de Santa Rita, no Departamento de Alto Paraná (Paraguai).

Relatório do Idesf (Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social das Fronteiras) aponta que pelo menos 20% dos agrotóxicos vendidos no Brasil são de origem ilegal. O consumo é alto principalmente no Centro-Oeste, devido à facilidade de trazer o pesticida contrabandeado do Paraguai.

Fonte: campo grande news

Mais notícias

aftosa

Indea prorroga vacinação contra febre aftosa até 10 de dezembro

leitche

Itanhangá: Cadeia produtiva de gado leite e corte é tema de Dia de Campo

maqui

Setor de máquinas agrícolas tem 40% de crescimento em 2021

rurrais

Produtores rurais de MT terão desconto em renovação de cadastro na Energisa

aft

Comunicação da vacinação contra febre aftosa passa a ser online

indea

Itanhangá: Produtores devem informar o INDEA sobre o plantio de soja

%d blogueiros gostam disto: