Cattani recebe produtores mato-grossenses premiados no 3° Mundial do Queijo

Crédito: Divulgação

Presidente da Frente Parlamentar de Apoio ao Produtor de Leite, da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, o deputado estadual Gilberto Cattani (PL), recebeu durante reunião do grupo de trabalho nesta segunda-feira (15), os produtores de queijo mato-grossenses que participaram e que foram premiados no 3° Mundial do Queijo do Brasil, realizado na semana passada em São Paulo (SP).

Ao todo, 38 produtores de queijo de Mato Grosso participaram do concurso que reuniu fabricantes de queijo do mundo todo. Cinco deles receberam medalhas Super Ouro, Ouro e Bronze na competição.

Para o deputado Cattani, a premiação expõe o profissionalismo do produtor do Estado. O parlamentar também ressaltou a importância da regulamentação do registro de produção de pequenos produtores, projeto que já foi aprovado na Assembleia Legislativa e que está sendo analisado pelo Governo do Estado.

“Eles trouxeram para Mato Grosso várias premiações, entre elas, duas medalhas Super Ouro, o que é considerado o melhor do mundo. Todavia, muitos pequenos produtores sofrem com o registro de sua produção, não podendo vender os produtos em mercados por conta da burocracia. A Assembleia Legislativa já confeccionou junto com o Governo do Estado um projeto de lei que já foi aprovado, falta só a regulamentação para que o pequeno produtor possa ter uma acessibilidade na documentação para regulamentação da sua atividade. Esperamos agilidade do Governo para que essas pessoas possam ser reconhecidas no Estado, assim como foram no concurso mundial em São Paulo”, disse o deputado.

Dos produtores mato-grossenses, dez foram inscritos no ‘Concurso de Queijos e Produtos Lácteos’, no qual os itens participantes foram queijos, iogurtes, doces de leite e coalhadas. A queijeira Raquel Catanni foi a medalhista ‘Super Ouro’, com o Queijo Maringá, do Pontal do Marape, em Nova Mutum.

Já na categoria ‘Ouro’ foram premiados a Larissa Berte Barbosa, com o Queijo Esmeralda da Cartucheira, de Nossa Senhora do Livramento, a Vandecléia Prochnow, com o Requeijão de Corte Mika, do Distrito de Nossa Senhora da Guia, em Cuiabá, a Raquel Catanni, com o Nozinho Temperado, e o Edmar Alves Trindade, com o Requeijão de Corte, de Nobres.

Jackson Pacheco conquistou a medalha de ‘Bronze, com o Queijo Pantanal, de Santo Antônio do Leverger.

Fonte: Assessoria Deputado Cattani

Mais notícias

Brasil é líder em destinação correta de embalagens de defensivos agrícolas

Aprosoja-MT recebe com cautela alteração do calendário do vazio sanitário e do plantio

Mato Grosso mantém liderança na produção de grãos do país mesmo com redução na safra

Governo de MT contribui com expansão da carne mato-grossense para o mercado internacional

Integração lavoura-pecuária ganha espaço em Mato Grosso

Prorrogada obrigatoriedade do uso da Nota Fiscal de Produtor Eletrônica