Um dos bandidos mortos em assalto em fazenda é filho de sargento da PM

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Detalhe: Sávio, filho de PM
Legenda /Crédito da Foto: Reprodução

A Polícia Militar prendeu um dos sete suspeitos de participar do roubo a uma fazenda em São José do Rio Claro, nesta quarta-feira (11), que terminou com a morte de três pessoas, entre elas a proprietária do imóvel, Ida Alexandre Martinez, de 65 anos.

O criminoso de 21 anos, que não teve o nome divulgado, foi flagrado em uma região de mata nesta quinta-feira (12). Os agentes seguem em diligências para localizar outros dois integrantes do bando.

Além de Ida, que é pioneira do município, morreram no local dois dos criminosos que foram identificados como Jean Carlos dos Santos, 23 anos, conhecido como Chiclete Babalu e Sávio Henrique Santos Arquaz, 25, filho de um sargento aposentado da cidade, seus avós também eram militares.

Baleado na cabeça, o marido de Ida, José Carlos Carrilho Martinez, 69 anos, conhecido como Zé Chinês, foi socorrido com vida e está internado em estado grave em Cuiabá.

Segundo informações, os dois criminosos mortos são moradores de São José do Rio Claro, enquanto os presos residiam em Chapada dos Guimarães e foram ao município somente para cometer o crime.

“Eles já haviam apreendido uma boa quantidade de cabeças de gado no curral e estavam prontos para serem embarcados em um caminhão. Agora pela manhã estive no local e soltamos esse gado, mais ou menos 120 cabeças, entre bezerros e vacas, iam causar prejuízo de R$ 450 a R$ 500 mil”, emendou o comandante.

Fonte: Redação/Olhar Direto