Itanhangá: Mais de 500 eleitores estão com os títulos eleitorais cancelados ou suspensos

Crédito: Divulgação

Conforme os dados, divulgados pelo Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) na quinta-feira dia (25), 170.598 eleitores no estado não está em dia com suas obrigações eleitorais. Por isso a entidade está orientando que essas pessoas busquem a regularização de seus títulos o quanto antes.

Aqui no município de Itanhangá nas 18 seções eleitorais que pertencem a 21ª Zona Eleitoral de Mato Gross, tem um total de 5.697 mil eleitores, sendo que destes 513, tiveram seus títulos cancelados e 69 suspensos.

As causas que levaram aos cancelamentos destas inscrições eleitorais são devido à ausência as urnas por três turnos consecutivos e ao não comparecimento para o cadastramento biométrico do título de eleitor que ocorreu neste município no ano de 2019.

A Coordenadora do Posto Eleitoral de Itanhangá, explica que o eleitor que consta com alguma das pendências acima citadas, que compareça o quanto antes até o Posto Eleitoral, munidos dos documentos pessoais e do comprovante de endereço que deve estar em nome do eleitor ou de um familiar, para regularizar sua inscrição junto Justiça Eleitoral, só  assim estará evitando problemas futuros.

A mesma também convoca os eleitores que, se alistaram como eleitor, transferiram seu título eleitoral para o município e que revisaram o mesmo durante o período da pandemia do Covid – 19 a comparecer até o Posto Eleitoral para fazer a coleta dos dados biométricos do eleitor, pois neste período não foi possível fazer devido esta atividade estar suspensa, e salienta ainda que a mesma foi retomada aqui no município no dia 17 de abril do recorrente ano.

O Posto Eleitoral fica situado na Avenida Santa Catarina, nº 314, anexo a prefeitura Municipal, horário de atendimento das 07:00 as 11:00 e das 13:00 as 17:00 de segunda a sexta-feira.

Vale ressaltar que o prazo para resolver as pendências com a Justiça Eleitoral vai até o dia 8 de maio de 2024, data em que o cadastro será fechado para as Eleições Municipais. Além disso, essa também é a última oportunidade para emitir a primeira via do título de eleitor.

Enquanto estiver em débito com a Justiça Eleitoral, ele não pode, por exemplo, tirar ou renovar passaporte, receber salário ou proventos de função em emprego público, prestar concurso público e renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo.

Portanto Ano que vem tem eleições municipais!

Não deixe para regularizar sua inscrição eleitoral na última hora. Evite filas

Procure já o Posto Eleitoral para fazer seu primeiro título, transferir o seu domicílio eleitoral ou coletar seus dados biométricos.

Novidade: Informamos que o cidadão que completar 16 anos até 06 de outubro de 2024 (1ª turno das eleições municipais) já pode comparecer a um cartório eleitoral e tirar seu primeiro título de eleitor.

Fonte: ITA Notícias

Escrito por: Sebastião Rodrigues

Vídeo(s) da notícia

Galeria de Imagens da notícia

Mais notícias

Detran orienta motoristas sobre o que fazer caso a placa do veículo seja danificada ou perdida

Governo de MT cria fundo para destinar valores confiscados do crime organizado à Polícia Civil

Trabalhador morre soterrado em silo em fazenda na MT-235

Três bebês morrem em UTI neonatal de Colíder

Trabalhador morre ao receber descarga elétrica em fazenda

Itanhangá: Vereadores aprovam projetos e indicações antes do recesso