Desembargador decreta a prisão de ex-secretário Paulo Taques

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

O desembargador Orlando Perri, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, decretou a prisão preventiva do advogado e ex-secretário chefe da Casa Civil do Governo, Paulo Taques.

O mandado de prisão foi cumprido no final da manhã desta sexta-feira (4), no condomínio Florais Cuiabá, onde Paulo reside.

Ele é apontado como um dos participantes do esquema de grampos ilegais em Mato Grosso, feito pela cúpula da Polícia Militar e que teria objetivos políticos.

Advogados, políticos e jornalistas foram grampeados ilegalmente.

Perri, no mandato de prisão, acolheu a representação do delegado Juliano Silva de Carvalho e determinou que o mesmo prendesse e recolhesse o ex-secretário.

Paulo Taques será apresentado à 11ª Vara Criminal de Cuiabá, onde fará audiência de custódia.

Fonte: MIDIA NEWS