Cattani reassume Comissão de Direitos Humanos da ALMT

Crédito: Divulgação

O deputado estadual Bolsonarista Gilberto Cattani (PL) reassumiu na quarta-feira (10) a presidência da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Mato Grosso. O parlamentar foi eleito com a maioria dos votos e estará à frente do colegiado responsável pela discussão e encaminhamento de projetos relativos à defesa dos direitos da população do estado.

A escolha do nome de Cattani para comandar o grupo de trabalho foi definida em consenso com os parlamentares membros da comissão. O deputado estadual Sebastião Rezende (União) será o vice-presidente e assumirá a presidência no segundo semestre.

“Tomamos esta a decisão de eu ficar na presidência e o Sebastião assumir em agosto. Todos os deputados concordaram e nosso trabalho irá começar já na próxima semana”, explicou o bolsonarista.

Além do presidente Cattani e o vice Rezende, a comissão também será composta pelos deputados Lúdio Cabral (PT), Max Russi (PSB) e Thiago Silva (MDB).

Cattani presidiu a Comissão de Direitos Humanos por quatro meses em 2023, mas acabou sendo afastado depois de ser acusado de misoginia, ao fazer uma analogia entre o nascimento de uma criança e de um bezerro, enquanto se manifestava contrário ao aborto, durante uma frente parlamentar da Assembleia Legislativa.

A OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) chegou a representar criminalmente contra Cattani por prática de discriminação contra mulheres, porém o Ministério Público Estadual arquivou a investigação, concluindo que o deputado não cometeu crime e que ele apenas defendeu a vida desde a sua concepção.

Fonte: Assessoria Deputado Cattani

Mais notícias

Itanhangá: Atletas do grupo brincando de Capoeira participaram de encontro regional de capoeira

Empresário morre após receber descarga elétrica

Cattani emplaca projetos que fortalece Aviação Agrícola e assegura garantia de automóvel com revisões fora da concessionária

Caminhão carregado de porcos tomba e populares saqueiam animais

Carreta que transportava madeira bate em paredão e mata 3 pessoas

Itanhangá: II Fórum comunitário do Selo UNICEF será nesta sexta-feira, 14\06