Adolescente sofre aborto e joga feto para cachorro

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Legenda /Crédito da Foto: Divulgação

Uma adolescente de 14 anos, vítima de um estupro, teria realizado o aborto de um bebê de quatro meses de gestação e jogado o feto para cachorro. O caso ocorreu no dia 22 de maio, em Poconé, mas só veio a tona esta semana.

De acordo com informações, o acusado de cometer o abuso, é um rapaz de 16 anos, que seria namorado da menor. Ele teria envolvimento com crimes de furto e homicídio na cidade. Segundo informações, o rapaz é suspeito de integrar uma quadrilha especializada em roubos de gado na região do Pantanal.

Ainda segundo a reportagem, após o aborto, a menor acabou sendo expulsa de casa pelo pai e foi refugiada por uma mulher. A Polícia Civil esteve no local e a acusada foi encaminhada à delegacia para prestar depoimento. A mulher que recebeu a vítima também deve prestar esclarecimentos à Polícia. O Conselho Tutelar acompanha o caso.

Também há informações de que a casa onde a adolescente foi abrigada estaria localizada em frente a uma casa de shows onde várias garotas atuam como acompanhante de luxo durante a noite. Além disso, também foi informado que o acusado de cometer o abuso se relaciona com uma amiga da vítima, que também já estaria grávida.

Conforme o delegado Maurício Maciel, responsável pelas investigações, a Polícia deve demandar a internação provisória do acusado ou aplicar outra medida socioeducativa. A menor também pode ser internada por cometer o aborto e pela ocultação de cadáver.

O caso é investigado pela Polícia Civil.

Fonte: Poconé Net