Tapurah: Padre paróquia chama repórter de “viadinho” durante a missa

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Crédito: Reprodução

O padre Paulo Antônio Müller, da Paróquia NSA de Tapurah (a 428 km de Cuiabá), chamou o repórter da TV Globo, Pedro Figueiredo, de ‘viadinho’, no ultimo domingo (13).

O profissional havia recebido uma declaração do marido durante o programa RJTV, que também é repórter na emissora. “Não é como a Globo apresenta, dois viados, me desculpa, mas dois viados, um repórter pra um viadinho chamado Pedrinho. Ridículo”, disparou o padre.

Para o religioso, o casamento de ‘verdade’ só existe entre homem e mulher. “Que chamem a união de dois viados, de lésbicas do que quiserem como querem, mas não de casamento, por favor. Isso é uma falta de respeito para com Deus, isso é sacrilégio é blasfêmia”, disse o padre.

A fala do padre ganhou repercussão na transmissão ao vivo da igreja. Vários internautas comentaram a indignação referente à fala de Paulo Antônio. “Homofobia é crime. Não são mais os anos 90. Não é mais tolerado o preconceito”, comentou uma internauta “Agora quanto aos padres molestarem crianças, ai tudo bem né Santa Igreja Católica!?”, questionou outro seguidor no Facebook.

O padre também incentivou os fieis a não aceita a orientação sexual das pessoas e nem a união entre elas. “Que essa não seja a sua cabecinha, nem a do seu filho”, concluiu.

A missa foi transmitida pela página da Paróquia Nossa Senhora Aparecida no Facebook. Internautas que acompanhavam a celebração reprovaram a postura do sacerdote.

“Homofobia é crime”, escreveu um internauta. “Esse altar não merece esse padre”, postou outro fiel.

“Jamais o preconceito pode ser opinião. Seja qual for o posicionamento da sua fé, você não deve nunca professar seu preconceito. Homofobia é crime e você vai ser penalizado por isso. Um sacerdote se dando a esse papel é muito decepcionante”, publicou outra pessoa que acompanhava a celebração pela internet.

Fonte: Repórter MT

Mais notícias

siloo

Incêndio de grandes proporções atinge silo de soja

covers

Motociclista morre ao bater em carreta que fazia conversão em rodovia

Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) volta atendimento presencial nas agências.

INSS suspende temporariamente perícias médicas

casos

Itanhangá: Casos de covid estão aumentando e população precisa se cuidar

picape

Casal é resgatado de carro levado pela correnteza de rio

cilindra

Acidente de moto potente e carro mata rapaz em rodovia

%d blogueiros gostam disto: