Quatro crianças são encontradas na selva após queda de avião

Crédito: Forças Militares da Colômbia

Quatro crianças indígenas foram resgatadas com vida nessa sexta-feira (9), nas selvas do sudeste da Colômbia. Elas estavam desaparecidas havia 40 dias, após a queda de um pequeno avião monomotor em que viajavam, encerrando uma busca por ar, terra e rios, disseram autoridades das Forças Militares.

As crianças estavam desaparecidas após a queda de um avião monomotor no dia 1º de maio. A mãe, o piloto e uma liderança indígena morreram.

No entanto, as Forças Militares da Colômbia têm outra preocupação. O cachorro treinado Wilson, que foi fundamental nas buscas, agora está perdido. O animal participou das buscas até a última quarta-feira (7), quando foi solto para um dos pontos da mata e não voltou mais.

Em entrevista à imprensa para falar das crianças que foram localizadas, o presidente da Colômbia, Gustavo Petro, informou que Wilson ainda não foi encontrado. O cão passou a ajudar os agentes semanas após o acidente.

De acordo com o jornal El Colombiano, Wilson foi quem encontrou os primeiros vestígios das crianças. Ele tem seis anos e é da raça pastor belga.

As autoridades acreditam que o cachorro encontrou as crianças primeiro, já que visualizaram a pegada do animal e de uma criança na mesma área. Isso criou a expectativa de que Wilson fosse encontrado hoje com o quarteto —o que não aconteceu.

Segundo a imprensa local, o cachorro já teria sumido em semanas anteriores, mas retornou depois de algumas horas desidratado e com ferimentos leves.

Fonte: UOL

Vídeo(s) da notícia

Galeria de Imagens da notícia

Mais notícias

Governo de MT cria fundo para destinar valores confiscados do crime organizado à Polícia Civil

Trabalhador morre soterrado em silo em fazenda na MT-235

Três bebês morrem em UTI neonatal de Colíder

Trabalhador morre ao receber descarga elétrica em fazenda

Itanhangá: Vereadores aprovam projetos e indicações antes do recesso

Trabalhador morre esmagado por tora de madeira