Polícia identifica cadáver encontrado em Rio e agora busca assassino

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Lincom Kenedy Bernardo, 55 anos, é a identificação do homem encontrado morto no sábado, dia 30 de outubro, dentro de um riacho na vicinal segunda oeste no município de Alta Floresta. Essa confirmação foi dada pela Polícia Civil nesta quarta-feira, mas a Polícia Técnica ainda trabalha um laudo técnico para oficialização.

Uma sobrinha de Lincom no entanto, esteve na sede da Perícia Oficial de Identificação em Alta Floresta e falou sobre o tio que estava desaparecido desde o dia 25 de outubro. Um par de moletas foi encontrado no mesmo trecho do riacho onde o corpo estava e a sobrinha do desaparecido confirmou que o tio era deficiente e detalhou que o mesmo faltava inclusive o dedo de uma das mãos, dado também constatado no cadáver.

A Polícia Civil faz a investigação do caso e conforme uma fonte na Politec, o corpo tinha marcas de perfuração de arma branca. O deficiente pode ter sido alvo de assassinato. Resta saber se foi morto no local onde encontrado ou apenas o corpo desovado.

A motivação do crime é também apurada pela polícia que vai investigar o caso para encontrar o autor da morte de Lincom que era morador de Paranaíta, mas transitava em toda a região. Ele tinha inclusive histórico policial, acusado de estelionato por diversas ocasiões.

Fonte: Nativa News

Mais notícias

esttt

Para convencer familiares, adolescente grava estupro e tio é preso

reguladordetensao

Itanhangá: Bandidos furtaram reguladores de tensão

zapp

Cresce número de crimes de estelionato e maioria dos casos é de clonagem do WhatsApp em MT

conge

Mulher descongela geladeira e encontra corpo de bebê escondido em sacola

produtoo

Inquérito sobre homicídio de produtor rural é concluído e 4 são indiciados pelo crime

marmi

Jovem de 19 anos é assassinado com tiro na cabeça na rua

%d blogueiros gostam disto: