Polícia fecha centro de distribuição de cargas roubadas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Sete homens foram presos, pela Patrulha Rural Georreferenciada da Polícia Militar (PM), na manhã desta quinta-feira (28), em Rondonópolis (MT). A PM fechou um centro de distribuição de cargas roubadas, furtadas ou desviadas.

Os suspeitos devem responder pelos crimes de roubo, furto, receptação, formação de quadrilha e até associação criminosa. O 8° suspeito de envolvimento no crime foi preso em Pedra Preta (MT).

A PM recebeu a informação da guarnição da cidade de Pedra Preta (MT) de um suposto roubo de carga. Ao verificar a localização do suposto caminhão roubado, a PM conseguiu chegar até o galpão de depósito de cargas.

Diante da informação, o motorista foi preso em flagrante na cidade de Pedra Preta.

O proprietário do galpão possui passagens pelo crime de roubo, furto, contrabando, receptação de defensivos agrícolas e fertilizantes.

Durante investigação, a PM conseguiu localizar as vítimas dos furtos e cargas desviadas.

“O patrulhamento rural georreferenciado é dividido de acordo com o calendário do agronegócio. Nesse período onde começa o plantio de soja aqui no estado de Mato Grosso, após o vazio sanitário, essas quadrilhas começam a atuar mais porque as propriedades estão cheias desses produtos que aqui estão. Então a PM, de forma repressiva, atua no intuito de recuperar os produtos que foram roubados, furtados, desviados e também prender essas quadrilhas” esclarece o comandante do 5º Batalhão da PM, Tenente Coronel Gleber Candido Moreno.

 

Fonte: Agora MT

Mais notícias

esttt

Para convencer familiares, adolescente grava estupro e tio é preso

reguladordetensao

Itanhangá: Bandidos furtaram reguladores de tensão

zapp

Cresce número de crimes de estelionato e maioria dos casos é de clonagem do WhatsApp em MT

conge

Mulher descongela geladeira e encontra corpo de bebê escondido em sacola

produtoo

Inquérito sobre homicídio de produtor rural é concluído e 4 são indiciados pelo crime

marmi

Jovem de 19 anos é assassinado com tiro na cabeça na rua

%d blogueiros gostam disto: