Mulher morre presa às ferragens em acidente, mas salva filho bebê

Crédito: Reprodução

Leonilda Gusmão, idade não confirmada, morreu na madrugada desta segunda-feira (28), em um acidente entre dois caminhões, na MT-010, próximo de Acorizal. Um dos veículos estava quebrado às margens da pista, quando o caminhão que a vítima, o marido e o filho bebê do casal estavam, bateu na traseira.

Segundo informações repassadas à reportagem, a equipe da Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito de Cuiabá foi acionada para atender uma ocorrência na Rodovia Helder Cândia.

Ao chegar no local, foi constatado que o caminhão que a família estava bateu na traseira de outro caminhão, que estava parado e abandonado às margens da rodovia sem nenhuma sinalização.

Com o impacto, a passageira do veículo morreu no local e ficou presa às ferragens. Testemunhas contaram que ela estava com o bebê no colo e no momento da colisão, em um reflexo, “jogou” a criança para o colo do pai, que era o motorista.

Os dois não se feriram e receberam atendimento do Corpo de Bombeiros. Local do acidente foi isolado para o trabalho das equipes de resgate.

Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) foi acionada para análise da ocorrência e liberação do corpo. Caso será investigado pela Delegacia de Trânsito.

Fonte: Gazeta Digital

Vídeo(s) da notícia

Galeria de Imagens da notícia

Mais notícias

Pai não abre a porta e filho o encontra morto dentro do quarto

Itanhangá: Câmara de vereadores aprova e Agrovila Monte Alto passa a ser perímetro urbano

Itanhangá: Caminhoneiro perde controle e caminhão tomba na MT 338

Polícia descarta “preliminarmente envolvimento de ex-marido” na morte de filha de deputado

Sorriso é a cidade com maior taxa de estupros no país

Filha do deputado Gilberto Cattani é assassinada a tiros