Jovem de 23 anos é morto a facadas no Assentamento Pontal do Marape

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Crédito: Power Mix

Um jovem identificado como Alex Otavio Sena de Oliveira, 23 anos, foi morto a facadas na madrugada do último domingo (06), no Assentamento Pontal do Marape, em Nova Mutum/MT.

A PM foi informada por um parente da vítima, que teria ocorrido um homicídio no assentamento, porém não havia confirmação do fato. Diante das informações uma guarnição de serviço se deslocou até a vila para colher informações.

A vítima estaria passando o final de semana na antiga casa de um parente. Ao chegar no distrito a guarnição se deslocou até a residência onde a vítima estava ficando, e encontrou no local, somente a mochila da vítima.

Não havia vestígios de briga na casa, os militares começaram a fazer rondas pela vila e fazer entrevista com os moradores, após entrevistar umas 20 pessoas, a guarnição reuniu indícios que apontaram para o suspeito, um jovem de 21 anos, como autor do crime.

Após várias diligências foi localizado o sítio onde o suspeito morava, durante entrevista ele negou qualquer crime ou confusão com a vítima, porém ao ser confrontado com as informações obtidas pelos militares, ele acabou confessando o crime.

Como já havia escurecido, a guarnição não conseguiu localizar o corpo, diante da situação o suspeito foi detido e conduzido à Delegacia Judiciária Civil de Nova Mutum para as devidas providências.

Na manhã desta segunda-feira (07), o suspeito juntamente com investigadores da Delegacia Municipal e uma equipe do Corpo de Bombeiros, se deslocaram até a mata para realizar buscas pelo corpo da vítima.

Chegando no local o suspeito indicou onde estaria o corpo da vítima. Uma equipe da Perícia Oficial e Identificação Técnica – POLITEC de Sinop/MT esteve no local realizando os trabalhos de perícia.

Durante análise da cena do crime, foi localizado dentro de uma fossa, o facão utilizado pelo suspeito, as roupas ensanguentadas e o celular e carteira de trabalho da vítima.

Informações preliminares apontam que o suspeito teria levado a vítima ainda com vida no sítio, e lá cometido o crime. No local foi encontrado vestígios de sangue na casa e no quintal. Após matar a vítima o suspeito levou o corpo em um carrinho de mão por cerca de 700 metros no mato.

No local ainda desferiu mais alguns golpes de facão, fez alguns vídeos e posteriormente pegou um trator e arrastou o corpo por mais uns mil metros dentro do mato, onde foi localizado.

O suspeito alega legitima defesa, no momento ele se encontra preso à disposição da justiça.

Fonte: Power Mix

Mais notícias

asaaaaaa

Polícia Civil prende em flagrante jovem que matou mulher a facadas

paradddd]

Tapurah: Jovem bate em veículo parado, foge, bate novamente e é preso

dumbo

PF prende traficantes que movimentaram R$ 350 milhões

Soja recuperada

Carga de soja roubada avaliada em 180 mil é recuperada pela Polícia Civil

passaaaa

Homens arrombam porta de casa e matam homem com diversas passagens

fossa

Jovem é assassinado e corpo jogado em fossa

%d blogueiros gostam disto: