Jornalista não aceita fim de relacionamento, atira na ex e comete suicídio

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Legenda /Crédito da Foto: Arquivo Pessoal

Uma fonte médica junto ao Hospital Municipal de Tangará da Serra acaba de informar a reportagem que o jornalista José Marcondes, o Muvuca, que atirou contra a própria cabeça, depois de efetuar vários disparos contra a farmacêutica Nádia, na fim da manhã desta segunda-feira, em Tangará da Serra, não resistiu aos ferimentos e foi à óbito.

Nádia foi atingida com vários tiros no tórax, ombro e braço. Ela foi submetida a uma cirurgia no Hospital Santa Angela e encaminhada para um leito de UTI. Segundo a reportagem apurou, o quadro de Nádia é grave e inspira cuidados especiais.

Muvuca e Nádia mantinham um confuso e tumultuado romance a vários anos. Ela deixou o marido, o ex-secretário de Coordenação e Planejamento de Tangará da Serra na gestão do ex-prefeito Fábio Junqueira (MDB), Hélio Clementino, para conviver com o jornalista. Tempos depois, o relacionou foi desfeito. Na época, Muvuca distribuiu em grupos de Whatsapp fotos comprometedoras da companheira.

Sob pressão, Nádia reatou o relacionamento com Muvuca e mais uma vez o namoro foi encerrado. Desde então, o jornalista pressionava a farmacêutica para reatar o relacionamento. Diante da recusa de Nádia, Muvuca praticou o crime de Feminicídio seguido de suicídio.

Fonte: A Bronca Popular