Itanhangá: Escolas comemoram as tradições juninas

Crédito: Sebastião Rodrigues/ Redes Sociais

Mês de junho, mês de festas juninas, o mês mais alegre do ano, é assim no brasil de Norte a Sul, as comemorações das festas juninas por esse país continental cada um comemorando de seu jeito e estilo, não importa o ritmo musical de cada região do brasil o que vale mesmo é a alegria que toma conta da nossa gente.

A origem da festa junina é pagã e assim, não tinha o caráter religioso que assumiu anos depois, e que continua até hoje.

Quem trouxe a festa junina para o Brasil foram os portugueses, no período colonial. Desde que as festas juninas foram trazidas pelos portugueses, a comemoração sofreu influências das culturas africanas e indígenas e, por isso ela possui características peculiares em cada parte do Brasil.

As festas juninas são comemorações que acontecem no mês de junho no Brasil. Nela se comemoram três santos populares: Santo Antônio, São Pedro e São João. Tradicionalmente, as festas juninas começam no dia 12 de junho, véspera do dia de Santo Antônio, e encerram no dia 29 de junho, dia de São Pedro. Já nos dias 23 e 24 é celebrado o dia de São João.

Aqui em Itanhangá, não foi diferente, as comemorações começaram de neste sábado, dia (04-06) com a festa junina da Escola Municipal Cantinho do Saber, em vila Simione, que recebeu um grande público destaque para os país que compareceram para prestigiar as apresentações dos filhos, ainda se fizeram presentes diversas autoridades políticas do município, o Prefeito Edu Pascoski  e a Primeira dana do município Cintia Pascoski, O vice prefeito Emerson e sua esposa Joice, a Secretaria de Educação Professora Suzana  Bess, o vereador Mauro Alves entre outras.

As comemorações continuam com as festas juninas que faz parte dos calendários das demais escolas de Itanhangá.

Fonte: ITA Notícias

Escrito por: Sebastião Rodrigues

Vídeo(s) da notícia

Galeria de Imagens da notícia

Mais notícias

Detran orienta motoristas sobre o que fazer caso a placa do veículo seja danificada ou perdida

Governo de MT cria fundo para destinar valores confiscados do crime organizado à Polícia Civil

Trabalhador morre soterrado em silo em fazenda na MT-235

Três bebês morrem em UTI neonatal de Colíder

Trabalhador morre ao receber descarga elétrica em fazenda

Itanhangá: Vereadores aprovam projetos e indicações antes do recesso