Imea projeta aumento na colheita da segunda safra do milho em MT

Crédito: Divulgação

O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) projeta que a colheita da safra 2024/2025 do milho no Estado seja de 47,30 milhões de toneladas, algo em torno de 9,90% abaixo do produzido na safra 2022/2023, quando o estado alcançou a marca recorde de 52,30 milhões de toneladas do grão.

O Imea também revisou para cima a estimativa para a produtividade das lavouras de milho, que devem chegar a 113,53 sacas por hectare. Na última safra, a marca alcançada foi de 116,80 sacas por hectare, um aumento de 3,18%.

A expectativa é que a área de cultivo do grão alcance os 6,94 milhões de hectares, uma redução de 7,31% se comparado com a safra 2022/2023.

Já com relação à soja, os produtores devem semear 12,56 milhões de hectares na safra 2024/2025, um crescimento de 0,64% em relação à safra 2023/2024.

Apesar de fatores climáticos, pragas e doenças poderem afetar a produção, o instituto prevê um rendimento de 57,97 sacas por hectare, um aumento de 11,14% em relação à safra passada. A expectativa é que sejam colhidos 43,68 milhões de toneladas do grão, um aumento de 11,85%.

Fonte: IMEA-MT

Galeria de Imagens da notícia

Mais notícias

Jornalistas conhecem dados que mostram sustentabilidade da agricultura

Crise energética barra expansão da área irrigada em MT

Aprosoja-MT alerta agricultores para que fiquem atentos à notificação do CAR Digital

Sicredi disponibiliza R$ 66,5 bilhões no Plano Safra 2024/2025

Silo bolsa é opção para fugir de gargalo de armazenagem

Pesquisadores utilizam técnica para avaliar sintomas de doença na soja