Homem perde R$ 60 mil tentando comprar caminhonete pelo Facebook

Crédito: Reprodução

Um homem, de 58 anos, foi vítima de estelionato e perdeu R$ 60 mil após negociar a compra de uma caminhonete em Sinop. Ele se interessou pelo veículo depois de ver um anúncio no Facebook.

Embora a publicação fosse verdadeira, um criminoso se passou pelo vendedor e enganou tanto o proprietário do veículo quanto o potencial comprador interessado no utilitário. De acordo com a Polícia Civil, a vítima relatou que viu o anúncio e entrou em contato com o suspeito, que afirmou ter adquirido o veículo em uma dívida e que o utilitário estava parado.

Ele informou que venderia o veículo para investir em plantio em Sinop. Após o diálogo inicial, a vítima concordou em ir de Sorriso para Sinop para ver o veículo pessoalmente.

Ao chegar em Sinop, o suspeito disse que estava na fazenda e que o veículo estava registrado em nome de seu irmão, mas afirmou que mostraria a caminhonete. Outra vítima, que realmente estava vendendo o veículo no Facebook por R$ 97 mil, relatou que o suspeito entrou em contato pedindo para retirar o anúncio, alegando que ficaria com o veículo para quitar uma dívida.

Em seguida, ele afirmou que iria de Sorriso para ver o veículo. No entanto, pouco depois, um suposto pai do suspeito entrou em contato informando que seu filho era muito afoito e que não poderiam ir naquele momento pois estavam ocupados com o plantio, mas que estariam na cidade em duas semanas.

Conforme a Polícia Civil, no dia marcado, o suspeito entrou em contato novamente com o vendedor, dizendo que a vítima com quem tinha realizado o negócio desejava ver o veículo e pediu para o vendedor confirmar que eles eram irmãos. Ao mostrar a caminhonete, o vendedor confirmou para a vítima que o suspeito era seu irmão de consideração, e na hora do pagamento, confirmou com a vítima se ele estava realmente realizando negócios com o suspeito. Ao receber uma resposta afirmativa, o pagamento de R$ 60 mil foi efetuado em seguida para o suspeito.

Após as transferências, o suspeito bloqueou as vítimas nos celulares. A Polícia Civil investiga o caso.

Fonte: Folha Max

Vídeo(s) da notícia

Galeria de Imagens da notícia

Mais notícias

Bombeiros fazem buscas subaquáticas por motocicleta da filha de Cattani

Sema e Policia Militar apreendem carretas com castanheiras durante fiscalização

Tapurah: Condenado a 14 anos pelo estupro da filha é preso pela Polícia Civil

PM prende seis pessoas em flagrante por invasão e extração ilegal de madeira

Jovem é morto atropelado por caminhão betoneira após discussão com motorista

Ipiranga: PRF apreende carga de madeira ilegal