Homem agride filho de 8 anos e diz para ele não “ser viado”

Crédito: Reprodução

Homem de 41 anos foi preso após agredir o filho de 8 anos em Cuiabá no domingo (18). A criança foi encontrada chorando e com lesões vermelhas na região da orelha, devido a agressão.

De acordo com o relatório policial, a criança estava andando sozinha pela avenida Dr. Hélio Ribeiro, quando foi abordada pelos policiais militares.

Por diversas vezes os PMs tentaram conversar com o menino, que estava assustado e evitava as abordagens. Após muita insistência, o menino revelou que seu pai estava bêbado e o havia agredido.

De acordo com a criança, o pai bateu em seu rosto, o enforcou e no momento das agressões dizia para ele virar “homem como o pai e não ser ‘viado’ e nem ‘biscate’ como a mãe”.

Durante conversa entre os policiais e o menino, o pai apareceu em visível estado de embriaguez afirmando que a mãe havia abandonado o menino e que ele cuidava sozinho dele. E que se o menino não estava satisfeito com o tratamento que devia “caçar o rumo dele”.

Diante da situação, o Conselho Tutelar foi acionado e a criança foi entregue aos conselheiros.

O homem foi encaminhado para a delegacia para o registro do boletim de ocorrência. Ele responderá pelos crimes de lesão corporal, abandono de incapaz e maus-tratos.

Ainda no momento da confecção do boletim de ocorrências, foi dada a oportunidade ao suspeito para atender seu aparelho celular. No momento que atendeu ele disse para a pessoa no outro lado da linha: “Pra você ver, ele me tacou na cadeia”.

Fonte: Mídia News

Vídeo(s) da notícia

Galeria de Imagens da notícia

Mais notícias

Trio morre em confronto com o Bope em ‘fábrica de drogas’ e 600 kg de cocaína são apreendidos

Dupla envolvida em assassinato de homem morre em confronto com policiais da Força Tática

Irmãos são presos em flagrante transportando 25 tabletes de cocaína na MT-246

Mulher cai em golpe e perde R$ 12,6 mil em transferências PIX, criminoso se passou por funcionário do banco

Chamado na porta homem leva tiro no rosto e morre

Polícia Civil intensifica ações de combate aos crimes contra a flora no norte de MT