Governo de MT prorroga período proibitivo para queimadas até 30 de novembro

Crédito: Reprodução

O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Meio Ambiente (Sema-MT), prorrogou o período proibitivo para queimadas no Estado até 30 de novembro.

A decisão consta no Decreto nº 579/2023, publicado no Diário Oficial desta quinta-feira (09.11) e leva em conta as condições climáticas favoráveis às ocorrências de queimadas e incêndios florestais, decorrentes do uso de fogo na vegetação, que colocam em risco a saúde, a qualidade de vida e a segurança da população.

“Considerando que ainda há focos de incêndio e que as equipes de combate estão em campo aguardando que se estabilize o período de chuvas e levadas em consideração as condições climáticas do período, fica proibida a queimada até o final do mês de novembro”, ressaltou o secretário adjunto Executivo da Sema-MT, Alex Marega.

No período de emergência ambiental, é autorizada a contratação de brigadistas temporários, com a finalidade de auxiliar bombeiros militares na prevenção e combate aos incêndios nas comunidades mais atingidas.

Mesmo no período proibitivo, é permitido o uso do fogo nas práticas de prevenção e combate a incêndios, como aceiros e técnicas de contra fogo, realizadas ou supervisionadas pelas instituições públicas responsáveis. Já o uso do fogo em áreas urbanas é proibido o ano todo.

Confira o novo decreto aqui.

Fonte: SECOM - MT

Galeria de Imagens da notícia

Mais notícias

Governo de MT cria fundo para destinar valores confiscados do crime organizado à Polícia Civil

Trabalhador morre soterrado em silo em fazenda na MT-235

Três bebês morrem em UTI neonatal de Colíder

Trabalhador morre ao receber descarga elétrica em fazenda

Itanhangá: Vereadores aprovam projetos e indicações antes do recesso

Trabalhador morre esmagado por tora de madeira