Governador anuncia concurso na área de segurança pública

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Legenda /Crédito da Foto: Secom-MT

O governador Mauro Mendes (DEM) anunciou nesta sexta-feira (6) a realização de concurso pública para Segurança Pública. As vagas são para Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec). A abertura do edital está prevista para este semestre.

O anúncio foi feito pelo democrata, durante vistoria e entrega de obras em Lucas do Rio Verde. O número de vagas não foi anunciado.

”Nós temos hoje uma grande necessidade que é a falta de pessoal na segurança pública do Estado. Tínhamos limitações, por questões orçamentárias, não podíamos contratar para não aumentar despesa com pessoal. Mas, graças a Deus e a todo o trabalho que foi feito, nós construímos novamente o equilíbrio fiscal de Mato Grosso. E a boa notícia é que no segundo semestre deste ano nós vamos soltar um novo concurso”, afirmou o governador Mauro Mendes.

O chefe do Poder Executivo também assumiu o compromisso de entregar até setembro a unidade do Batalhão Rural voltada exclusivamente para fazer a segurança em toda a região de campo, agronegócio e agricultura familiar.

De acordo com o secretário estadual de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, este concurso foi pensado e planejado com cautela, pois já estão em andamento o concurso do sistema prisional e do socioeducativo que vão otimizar a atuação das forças de segurança no Estado.

“Nós tínhamos um planejamento, primeiro de organizar e melhorar os equipamentos, viaturas, armamento. agora estamos mexendo na infraestrutura e, o último passo, é a realização do concurso público. Para nós, para nossa tropa que é tão aguerrida, são investimentos muito importantes, porque o Estado tem crescido muito e o governador, sensível a isso, autorizou o concurso para que a gente possa melhorar ainda mais o serviço oferecido a população”, destacou o secretário.

“O concurso reflete positivamente e vai melhorar o efetivo em regiões com déficit de profissionais”, salientou o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jonildo de Assis.

Fonte: SECOM-MT