Época: ex-ministro Geller recebeu dinheiro da JBS em gabinete

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
(PP), recebeu R$ 250 mil da JBS, por meio de Florisvaldo de Oliveira, | Foto: MidiaNews

 revista Época divulgou uma nota em que o ex-ministro de Agricultura, o mato-grossense Neri Geller (PP), recebeu R$ 250 mil da JBS, por meio de Florisvaldo de Oliveira, conhecido com o “homem da mala da JBS”.

Geller foi ministro de Dilma Rousseff (PT) entre março e dezembro de 2014.

“Em outubro de 2014, Florisvaldo entrou num avião rumo a Brasília para mais uma entrega de dinheiro. Eram R$ 250 mil. O destinatário do dinheiro sujo era, dessa vez, Neri Geller, peemedebista então ministro da Agricultura e muito próximo do ex-deputado Eduardo Cunha e do presidente Michel Temer”, diz a revista.

Atual secretário de Políticas Agrícola do ministério, chefiado por Blairo Maggi (PP), Neri recebeu a bolada em seu gabinete, quando era ministro.

“Procurado, o ex-ministro da Agricultura e atual secretário de Políticas Agrícolas, Neri Geller, afirmou ter recebido com “surpresa e indignação” a notícia de que seu nome aparece na delação da JBS”, diz Época.

Fonte: Midia News