Enfermeira e filha de seis anos morrem após colisão entre Hilux e carreta na BR-163

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Legenda /Crédito da Foto: Divulgação

A enfermeira do Hospital Regional de Colíder, Deysiane Sudré Fogliatto, de 29 anos, e a filha de apenas 6 anos de idade, Rafaela Sudré Fogliatto, morreram nesta quinta-feira (22) em um acidente envolvendo a caminhonete, onde estava a família, e uma carreta na região da Serra do Cachimbo, a 100 km de Guarantã do Norte (MT), com sentido ao município de Castelo dos Sonhos, no Pará. A filha mais nova de Deysiane, de apenas 3 anos, também estava no automóvel mas sobreviveu.

De acordo com Marquezzan de Freitas Silva, investigador da Polícia Judiciária Civil, o acidente ocorreu por volta de 17h08. Na ocasião, a enfermeira conduzia uma Hilux, de cor preta, onde estavam ela e as duas filhas, quando foi atingida por uma Scania 440, de cor prata, que era conduzida por Bruno Rodrigues Martins.

A colisão ocorreu porque a carreta vinha no sentido contrário ao da caminhonete, e o motorista teria feito uma ultrapassagem proibida, invadindo, assim, a pista contrária. Com isso, a Hilux onde estavam Deysiane e as duas filhas foi atingida frontalmente pelo veículo de carga.

A enfermeira e a filha mais velha morreram e a mais nova teve ferimentos no corpo mas sobreviveu. Bruno fugiu do local sem prestar socorro às vítimas.

Devido ao impacto violento, a caminhonete saiu da rodovia, capotou e ficou completamente destruída. Quanto a carreta, esta fez um trajeto em formato de L no meio da pista.

“Ela, as filhas e o marido estavam seguindo com uma mudança para o Amazonas, onde compraram uma fazenda. O marido dela estava dirigindo o caminhão com a mudança. Ela seguia com as filhas na caminhonete quando ocorreu o acidente”.

Fonte: Redação/Olhar Direto

Vídeo da notícia