Deputado propõe criação de força-tarefa para barrar reajuste de energia elétrica em Mato Grosso

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Crédito: Assessoria Deputado Xuxu Dalmolin

A Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso (ALMT) deve criar uma força-tarefa para avaliar a suspensão do reajuste tarifário anual autorizado aprovado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), na terça-feira (12).

Proposto pelo deputado Xuxu Dal Molin (União Brasil), o memorando nº 067/2022 foi protocolado na terça-feira (19) junto ao gabinete do presidente Eduardo Botelho (União Brasil) e à Procuradoria-Geral do Parlamento estadual.

Em vigor desde sábado (16), o reajuste de 20,36% atinge diretamente 1,56 milhão de unidades consumidoras cadastradas em Mato Grosso.

Ao justificar o pedido, Dal Molin reiterou que o estado se tornou autossuficiente na produção de energia elétrica e um dos maiores fornecedores do Sistema Interligado Nacional (SIN) – rede de transmissão elétrica que interliga o país.

“Em 2021 a conta de energia elétrica acumulou alta de 114%, diante de 48% da inflação no igual período. Isso deixa claro a discrepância de valores praticados em detrimento ao consumidor mato-grossense, em especial do consumidor residencial que é a parte mais sensível desta relação de consumo”, avalia Dal Molin.

Outro ponto abordado pelo parlamentar, foi o fato de o reajuste ter entrado em vigor na mesma data escolhida pelo governo federal para o início da bandeira verde, modalidade convencional sem custos adicionais por consumo de quilowatts-hora (kwh).

Desde setembro o contribuinte sente no bolso os efeitos da crise hídrica no país, e quando as coisas começam a normalizar somos surpreendidos com esse comunicado esdrúxulo da Aneel. A impressão que tenho é que eles [Aneel] estão ‘brincando’ com os consumidores do estado e a sociedade de modo em geral”, conclui Dal Molin.

Na sessão plenária da última quarta-feira (13), o parlamentar apresentou o Requerimento 265/2022 solicitando esclarecimento ao diretor-geral da Aneel, André Pepitone da Nóbrega, sobre quais medidas foram adotadas para reduzir o índice de reclamações relacionadas a má qualidade do serviço de distribuição de energia em Mato Grosso.

Fonte: Assessoria Deputado Xuxu Dalmolin

Mais notícias

incraaa

Bolsonaro diz que Incra não pode parar

62a5fff9dd6de971c7eae289eaafd34a

Padrasto é preso por estupro de criança de nove anos

fefa31156abe0ef1e884461f4e195d40

Brasnorte: Caminhonete capota em rodovia de MT e duas pessoas morrem

delson

Motorista morre e passageira fica ferida em grave acidente entre 3 veículos na BR-163

alt 8

Itanhangá: Festa do padroeiro de Monte Alto reuniu grande quantidade de pessoas. Fotos

fonti

Homem morre após colisão entre moto e caminhão na BR-163

%d blogueiros gostam disto: