Bandido que estuprou e espancou vizinha deficiente é executado a tiros

Crédito: Reprodução

Lucinei Eugênio Almeida, 47 anos, foi encontrado morto nessa segunda-feira (22), com as duas mãos amarradas nas costas, às margens da MT-060, na Comunidade Tarumã, em Nossa Senhora do Livramento.

Em 2018, ele foi preso por estuprar e espancar uma vizinha deficiente na cidade. De acordo com a Polícia Militar, populares passavam pela MT-060, quando viram o corpo.

No local, os agentes encontraram Lucinei com as duas mãos amarradas com um cabo carregador de celular. Ele tinha diversas perfurações de arma de fogo na cabeça.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para o exame de necropsia.

Lucinei foi preso no dia 3 de dezembro de 2018, acusado de estuprar e espancar a vizinha deficiente, de 29 anos, no bairro Santa Luzia, em Nossa Senhora do Livramento.

À época, mesmo com problemas mentais, a mulher conseguiu contar aos militares que tinha sido espancada e estuprada por Lucinei, que é conhecido na cidade como ‘Sapo’.

A vítima revelou ainda que estava em casa quando o vizinho invadiu o local, arrancou suas roupas e a estuprou. Houve uma breve luta corporal entre eles, porém o acusado conseguiu consumar o ato sexual.

Fonte: Repórter MT

Vídeo(s) da notícia

Galeria de Imagens da notícia

Mais notícias

Bombeiros fazem buscas subaquáticas por motocicleta da filha de Cattani

Sema e Policia Militar apreendem carretas com castanheiras durante fiscalização

Tapurah: Condenado a 14 anos pelo estupro da filha é preso pela Polícia Civil

PM prende seis pessoas em flagrante por invasão e extração ilegal de madeira

Jovem é morto atropelado por caminhão betoneira após discussão com motorista

Ipiranga: PRF apreende carga de madeira ilegal