ITANHANGÁ/MT, 11 de December, 2019.
(66) 98418-7171
Compartilhe nosso portal de notícias
Metade da frota de MT está irregular e Estado tem R$ 500 milhões para receber de licenciamento de veículos
Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

O presidente do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Gustavo Vasconcelos, revelou que o Estado tem aproximadamente R$ 500 milhões para receber de licenciamento de veículos que não foram pagos. Conforme o mandatário do órgão, em média, a cada dois carros que passam na rua, um está irregular.

Temos pessoas que devem cinco anos o licenciamento. O IPVA tem um custo maior. Só de licenciamento, são R$ 500 milhões a receber dos contribuintes. Nosso índice é altíssimo. Mais de 50%. A cada dois carros que passam na rua, um está sem licenciamento, seja por dever IPVA, multa, algo do tipo”.
 
O governador Mauro Mendes participou do lançamento do novo modelo de parcelamento de dívidas relativas a veículos automotores, que poderão ser divididas em até 12 vezes e destacou o trabalho de modernização e desburocratização que o Detran está realizando. “Hoje colocamos em funcionamento essa ferramenta de parcelamento, que tem aprovação do Denatran, e permite ao cidadão quitar seus débitos em até 12 vezes, evitando possíveis transtornos que normalmente acontecem com aquelas pessoas que estão inadimplentes”, disse o governador.
 
Podem ser parcelados no cartão todos os débitos veiculares como multa, Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) – inscrito ou não em dívida ativa, Seguro DPVAT e a Taxa de Licenciamento.
 
No momento da negociação dos débitos para pagamento, a empresa credenciada deverá demonstrar, detalhadamente, a formação dos custos do valor da dívida, identificando cada débito parcelado, taxa de juros aplicada e o número de parcelas escolhidas pelo proprietário do veículo.
 
O pagamento pode ser feito em até 12 vezes com até três cartões de crédito diferentes, independente de ser da titularidade da pessoa que está quitando os débitos, garantindo a integridade da operação mediante senha pessoal e intransferível do titular do cartão.

A medida é uma forma de disponibilizar aos proprietários de veículos alternativas para quitar seus débitos à vista ou em parcelas mensais, com a imediata regularização da situação do veículo, além de assegurar a agilidade, autenticidade, segurança e desburocratização dos processos administrativos do Detran-MT, reduzindo custos operacionais e promovendo melhor atendimento aos cidadãos.
 
Por enquanto, o pagamento pode ser feito nos pontos de atendimento da empresa Zapay, disponíveis na sede do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT), em Cuiabá, e na 5ª Ciretran de Várzea Grande.
 
Na próxima semana, os parcelamentos também poderão ser feitos no Núcleo de Atendimento da Galeria Itália Center, localizado no bairro Jardim das Américas, em Cuiabá; Núcleo de Atendimento do Shopping Estação, na capital, e na 2ª Ciretran em Rondonópolis. 
 
O serviço de parcelamento dos débitos veiculares também estará disponível durante o Mutirão Fiscal, que vai acontecer de 1º a 29 de novembro, na Arena Pantanal, em Cuiabá.
 
Ainda em novembro, a empresa Zapay irá expandir o atendimento presencial nas Ciretrans dos municípios de Rondonópolis, Cáceres, Sinop, Sorriso, Tangará da Serra e Barra do Garças. 
 
Nos demais municípios que não tiverem cobertura presencial da empresa, os cidadãos poderão fazer o parcelamento de forma online, a partir do dia 06 de novembro, no site www.usezapay.com.br. As pessoas também poderão tirar dúvidas pelo telefone 0800 941 4462.

POR: Olhar Direto
25/10/2019 23:40 / Atualizado 08/12/2019 14:40
© Copyright 2016- 2019 - Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento: Blit Softwares