ITANHANGÁ/MT, 07 de April, 2020.
(66) 98418-7171
Compartilhe nosso portal de notícias
Ex-marido é preso por agredir mulher e mandar mensagens: 'vou acabar com a sua cara'
Prisão ocorreu depois que a vítima procurou a polícia para denunciar as agressões
A prisão do suspeito foi baseada na Lei Maria da Penha

Um homem de 20 anos foi preso em Rondonópolis depois de agredir a ex-mulher e mandar mensagens de ameaças para ela no WhatsApp. A prisão ocorreu depois que a vítima procurou a polícia para denunciar as agressões. O suspeito continua detido e deve responder, entre outros crimes, por lesão corporal qualificada e ameaça. A identidade dele não foi divulgada.

À polícia, a vítima denunciou que foi agredida pela primeira vez, na quinta-feira (2), enquanto os dois estavam em casa. No mesmo dia, quando estava no trabalho o suspeito tentou agredi-la novamente e tomou o celular dela.

Depois de reaver o celular, o suspeito enviou mensagens ameaçando agredir a ex-companheira novamente. Num dos textos, ele ameaça “arregaçar a cara” da ex. Em outra mensagem, o suspeito ainda diz que cortaria o cabelo da vítima.

Após ser preso, em depoimento, o homem contou que os dois tinham uma união estável e ficaram juntos por sete meses. O casal estava separado há dois dias. Segundo a delegada Karla Ferraz, da Polícia Civil, ele confessou ter encaminhado as mensagens, mas negou que faria algum mal para a ex-mulher.

A prisão do suspeito foi baseada na Lei Maria da Penha. Ele deve responde pelos crimes de lesão corporal qualificada, injúria e ameaça.

POR: Portal Sorriso
09/11/2017 08:46 / Atualizado 04/04/2020 02:26
Galeria de Imagens
© Copyright 2016- 2020 - Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento: Blit Softwares